Apresentação da Cidade

  • ---

SER NOBRE É TER IDENTIDADE
Antiga e contemporânea. Erudita e popular

São João del-Rei tem uma importância histórico-político-cultural bastante significativa em nosso país.
Nossa origem vincula-se à exploração do ouro no início do século XVIII.
Mantém um valioso legado da arquitetura colonial e eclética, atividades e manifestações culturais intensas e importantes projetos sócio-culturais, de preservação e memória. Belíssimas igrejas barrocas, largos e praças, pontes de pedra, betas de ouro. Fábricas de móveis, tecidos e estanhos. Laticínios, botecos consagrados, cachaças, doces caseiros, pão de queijo - gastronomia típica, delícias de antigamente.
Mesa sempre posta, braços sempre abertos, hospitalidade e gentileza.
Mestres vivos
que perpetuam ofícios tradicionais da forja e da fundição de sinos, gradis de ferro, lustres, castiçais, da arte sacra da ourivesaria, escultura, cantaria, cerâmica, rendas e bordados.
Cidade da música, possui duas das mais antigas orquestras sacras bicentenárias das Américas. Bandas de Música, serenatas, saraus, chorinho, folclore, linguagem dos sinos que se mantém exatamente há mais de 250 anos, Patrimônio Nacional. Única cidade do mundo que preserva integralmente antiquíssimos rituais da Semana Santa. Museus singulares, bibliotecas com obras raras, grupos de dança, teatro, serras, cachoeiras, grutas, pinturas rupestres, exposição nacional de orquídeas, carnaval.
Universidade Federal com cursos de História e Música, lutheria, Inverno Cultural - um dos maiores festivais de cultura de Minas Gerais.
Complexo ferroviário com o mais antigo trem de passageiros em funcionamento no Brasil, a Maria Fumaça, que nos liga à antiga Tiradentes. Integramos a Estrada Real* com lindos pequenos municípios vizinhos, roteiros turísticos especiais, cavalgadas, campo de golfe, rica fauna e flora, charmosas pousadas, fazendas antigas, aeroporto regional.
Celeiro e exportador de educação, arte e cultura.
O conceito de Capitais Nacionais da Cultura tem sido internacionalmente difundido e implementado, visando preservar, valorizar, promover e difundir a identidade cultural das cidades e dos países no mundo. É vital o envolvimento de instâncias locais/globais respeitadas para o fortalecimento e legitimação das ações preservacionistas, de desenvolvimento sustentável, orientados pelos Oito Objetivos do Milênio e pela Agenda 21 da Cultura.
São João del-Rei, Estrada Real, Minas Gerais, foi a segunda CBC - Capital Brasileira da Cultura, em 2007. A primeira CBC foi Olinda, Pernambuco, em 2006. As Capitais Culturais no Mundo teve origem na Europa, Atenas foi a primeira CEC - Capital Européia da Cultura em 1985. Este projeto visa divulgar a cultura em todas as suas formas de expressão, contribuir para que haja um maior conhecimento da identidade e diversidade cultural dos países, colaborar nos processos de integração nacional e de inclusão social através da cultura, promover internacionalmente as cidades capitais culturais, estabelecer novas pontes de cooperação, contribuir para que haja um melhor conhecimento entre os povos dos continentes, respeitando a diversidade nacional e regional, e ao mesmo tempo, colocando em destaque o patrimônio cultural comum.
A cultura é a dimensão da vida que pode nos proporcionar a sabedoria e a percepção de Gaia.
Revela-nos o quanto é importante e sagrada a experiência de sermos protagonistas de nossa história e da história de nossas cidades.

Alzira Agostini Haddad
Atitude Cultural Projetos e Responsabilidade Social

Projeto Ser nobre é ter identidade
www.saojoaodelreitransparente.com.br
Associação Amigos de São João del-Rei

Dados estatísticos:

São João del Rei, cidade histórica situada na região sudoeste do estado de Minas Gerais, Brasil, distância da Capital do estado: 180 Km. O Arraial Novo foi elevado à categoria de vila em 1713, recebendo então o nome de São João del-Rei, em homenagem a D. João V, rei de Portugal, e a Tomé Portes del-Rei, um bandeirante paulista considerado seu fundador.
Tem cerca de 80.000 habitantes, 1.463,59 km2 de área da unidade territorial, temperatura média anual de 21º C.
Como principais atividades econômicas; a indústria têxtil, estanho, móveis, turismo – que ainda não é explorado adequadamente. De acordo com o IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, em 2000/2001, temos registradas 5 empresas de agricultura, pecuária, silvicultura e exploração florestal, 16 empresas na extração mineral, 35 empresas de construção, 1.342 empresas comércio, 55 empresas de serviços sociais e estabelecimentos de saúde. São 50 as instituições de ensino, 31 empresas de intermediação financeiras. Cerca de 17% da população tem saneamento básico, 19% tem abastecimento de água ligado à rede geral, 20% tem o lixo coletado.
De acordo com o Instituto de Geociências Aplicadas - Secretaria de Ciência e Tecnologia, a altitude máxima é de 1.338 m e a mínima, 912 m. Relevo: afloram no município rochas de idade pré-cambriana e depósitos quaternários, estes últimos preenchendo, quase sempre, as calhas fluviais (aluviões-Qa.).
Principais rios: Rio das Mortes, Rio Carandaí, Rio Elvas e a Represa de Camargos. Minerais: argila, caulim, diamante, estanho, cobre, ouro, outros minerais.
Os parques, reservas e hortos florestais são: Parque Ecológico Municipal da Serra do Lenheiro, Área de Proteção Ambiental (APA) da Serra de São José, Horto Florestal do Instituto Estadual de Florestas (IEF), Horto Florestal do IBAMA (Estação de Florestas Experimental)
Mais informações: Ministério das Cidades

. Estrada Real: eco-turismo, turismo rural, de esportes, saúde, negócios, gastronomia, religioso, histórico-cultural e sítios tombados; unidades de conservação ambiental sob proteção. 1.632 km, 198 municípios em três estados; 8 no Rio de Janeiro, 22 em São Paulo e 168 em Minas Gerais.
Paisagem privilegiada e preservada, pela Estrada Real percorreram ilustres personagens como Antonio Francisco Lisboa, o Aleijadinho (1730-1814), Joaquim José da Silva Xavier, o Tiradentes (1746-1792), os imperadores Pedro I (1798-1834) e Pedro II (1825-1891) e a grande Expedição Langsdorff (1821-1829).
www.estradareal.org.br

São João del-Rei , nosso patrimônio 

A Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) se propõe promover a identificação, a proteção e a preservação do patrimônio cultural e natural de todo o mundo, considerado especialmente valioso para a humanidade. Nos orienta a prestar atenção particular às novas ameaças globais que podem afetar o patrimônio natural e cultural e zelar para que a conservação dos sítios e dos monumentos contribua com a coesão social. São símbolos da conscientização dos Estados e dos povos acerca do significado desses lugares, que reflete seu apego à propriedade coletiva e transmite esse patrimônio às gerações futuras. (Ag 2009)


. As cidades históricas mineiras concentram 60% do patrimônio histórico tombado do Brasil

. São João del-Rei, terra de importantes personalidades como o Presidente Tancredo Neves: "São João Del Rei, São João Del Rei, Tu terás a glória de ser o berço de um grande chefe da nação..." Canto da Alvorada, Lindolfo Paoliello, Estado de Minas, 1985.

. SÃO JOÃO DEL-REI 2ª CAPITAL BRASILEIRA DA CULTURA

SÃO JOÃO DEL-REI E REGIÃO
São João del-Rei . Tô de Folga/Jornal Hoje TV Globo . 24/04/2015
São João del-Rei . MGTV abril de 2015
São João del-Rei 301 anos
Cadeira de Barbeiro é Confessionário . Mariana Fernandes
São João del-Rei: Terra do Cinema . João Paulo Guimarães
Ferrovia Oeste de Minas: Memória e História
São João del-Rei nos anos 40 . João Paulo Guimarães
7 de Setembro em São João del-Rei . João Paulo Guimarães
Trem de São João del-Rei
Museu Regional de São João del-Rei
Noites Douradas em São João del-Rei . João Paulo Guimarães
Viagem Completa de Maria Fumaça - Tiradentes a São João del-Rei
Locomotivas em São João del-Rei
Mina de Ouro . São João del-Rei
300 anos: Vila de São João del-Rei . João Paulo Guimarães
Cidades: São João del-Rei - MG - Brasil
Tijuco . Bairro de São João del-Rei . João Paulo Guimarães
Sobrepondo o passado . São João del-Rei
Mistério e Humor nas Lendas de São João del-Rei
São João del-Rei, século XVIII Parte I . João Paulo Guimarães
São João del-Rei, século XVIII Parte II . João Paulo Guimarães
Conhecendo Museus . Museu Regional de São João del-Rei
Entoados . Documentário sobre a liguagem dos sinos
Destinos Referência. Turismo de Estudos e Intercâmbio: São João Del Rey (MG)
Semana Santa em São João del-Rei
Documentário "Ferrovia Oeste de Minas: Memória e História"
Semana Santa . Cíclope

Os Anos Dourados em São João del-Rei . João Paulo Guimarães
São João del-Rei dos anos 40 e 50 . João Paulo Guimarães e Antônio Ávila
São João del-Rei, uma relíquia do passado presente
O Centro Histórico . Cíclope
Maria Fumaça . Cíclope
Homenagem a São João del-Rei
A Linguagem dos Sinos . Cíclope
Carnaval . Cíclope
Saudades de São João del-Rei por Luiz Gonzaga
Devotos celebram o Dia de Santa Cruz . Jornal Nacional
Estrada de Ferro Oeste de Minas - 1925
São João Del-Rei carrega tradição, cultura e musicalidade
Saudação do Ministro da Cultural Gilberto Gil a São João del-Rei, CBC-Capital Brasileira da Cultura 2007
Tapetes artesanais colorem as ruas de São João del-Rei . MG TV
São João del-Rei, Minas Gerais, recebe turistas na Semana Santa . Via Brasil
Filmagens mudam rotina de São João del-Rei . Bom dia Minas
São João del-Rei . Tô de folga: conheça as cidades históricas de Minas Gerais . Jornal Hoje Globo
Marchinha anima carnaval no interior de Minas . Jornal Nacional
Estação Ferroviária São João del-Rei
Série vídeo cartas Fernando Gabeira . O enterro de Tancredo Neves
Jornal de viagem
Procissões em São João del-Rei
Tapete de Rua Largo São Francisco
Lendas São-joanenses
São João del-Rei 
Sorte venturosa . Rede do Corpo Cia de Dança
Ferrovia São João del Rei - 1976 - Pt. 2
Fotos Semana Santa 2009 - São João del-Rei, MG
São João del Rei na Semana Santa
São João del-Rei . Carnaval
São João del Rei cantada
Sexta feira Santa - tapete de serragem
Diversos vídeos JP Vídeos
Seresteiros, Poetas e Boêmios de S. J. del Rei
A TV de São João del-Rei na internet . Registro do Grutsem-Grupo Teatral do Senhor dos Montes
Hino do município de São João del-Rei
Pátria Minas . Marcus Viana
Terra de Minas . Marcus Viana
Cidades descobrem benefícios de viver em ritmo mais lento na Itália . Globo Repórter

Bar Sarcófago
Hino Nacional com a letra da introdução . completo
Show do Perpetuum Jazzile e BR6  . Coral da Eslovênia (grupo brasileiro - seis solistas)
Bloco Gato de Botas anima foliões em São João del-Rei
Bloco Vamos a la Playa . São João del-Rei
Tiradents ganha cidade cinematográfica durante Fetsival de Gastronomia
Receita do tradicional pão de queijo mineiro

“Pisei no chão da liberdade
Berço da Inconfidência... do meu país
Segui os passos da independência
Nova República ... Povo feliz!
Nos "olhos livres" da artista
Refletem a arte e a brasilidade
Dessa gente divinal
Por São João del-Rei, eu me apaixonei
E dei as cores ao meu carnaval”
(Trecho do samba-enredo da União da Ilha do Governador 2006)

Notas da Cidade
Mario Quintana

"E quantas vezes nós, ao passar por uma velha rua quotidiana,
sentimos uma vaga inquietação, uma falta de não sei quê.
Vai-se ver, é um simples lanço de muro que demoliram e que,
tijolo a tijolo, fazia parte da nossa construção interior,
da nossa estabilidade, em suma.
"

Aquela casa
Alzira Agostini Haddad

Toda vez que eu passava por aquela rua, a dignidade e a beleza daquela casa me atraía. Eu adorava ficar observando aquelas janelas, aquela varanda, todos os seus detalhes. E, mesmo com a permanente pressa e ainda olhando para tráz, ficava imaginando as histórias que nela se passaram. Essa casa fazia parte da memória da cidade, daquela rua, da minha vida e de outros tantos.
Representa a identidade que São João del-Rei vem perdendo.
Agora, aquele canto perdeu o seu encanto e o significado e a riqueza que antes pertencia a comunidade e era coletivo, passou a pertencer a alguém que certamente tem um único vínculo com a cidade: o lucro individual.


O conteúdo desse portal pode ser reproduzido, desde que citadas as fontes e os créditos.

www.saojoaodelreitransparente.com.br . Projeto, pesquisa, organização e concepção: Alzira Agostini Haddad . Todos os direitos reservados