Publicações

Artigos / Cartilhas / Livros / Teses e Monografias / Personagens Urbanos / Diversos /

Semana Santa, Paixão de Cristo, fé e barroco naif nas ladeiras de São João del-Rei: GRUTSEM . Antônio Emílio da Costa

São João del-Rei surpreende, sempre, sobretudo pelo modo peculiar e original com que processa suas origens barrocas. Além do estilo clássico, que floresceu aqui juntamente com a descoberta do ouro - materializado e claramente percebido nos frontispícios, fachadas, altares, ourivessaria, alfaias, partituras, mobiliários, objetos, sonoridades e rituais - a cidade continuamente  processa novas faces culturais, dando origem a versões populares e contemporâneas de uma estética que até hoje encanta por sua beleza, sofisticação e complexidade.

 
Um dos exemplos desta re-criação, re-novação e re-elaboração é a Via Sacra do Senhor dos Montes, encenada anualmente na terça-feira da Semana Santa, pelo Grupo de Teatro Senhor dos Montes - GRUTSEM. A equipe, formada há alguns anos, é amadora e se dedica a montar espetáculos teatrais, já tendo realizado, até, alguns filmes.
 
Sem dúvida, a Via Sacra é seu trabalho mais expressivo, conhecido e tradicional. Começa em frente à igreja do Carmo (considerada uma das seis mais belas igrejas concebidas por Aleijadinho) passa em frente ao cruzeiro colonial e à capela do Senhor Bom Jesus dos Montes, edificada em 1801, para terminar na igreja nova, que fica na mesma praça. No caminho, ladeiras de pedra, construidas rumo à Serra do Lenheiro e ao Ribeirão de São Francisco Xavier, onde, segundo historiadores, muito ouro se encontrou, catou e extraiu no começo dos anos setecentos.
 
A Via Sacra é uma encenação culturalmente rica e ao mesmo tempo singela. Tanto que não é exagero, respeitando a diferença de linguagens, compará-la à obra de artistas naifs que se dedicam a pintar, com grande simplicidade e espontaneidade, cenas da vida brasileira, no campo, nas pequenas cidades, nos subúrbios, nas favelas, nos parques de diversões e nos bairros populares e periféricos das grandes cidades.
 
Para isso, a população do bairro Senhor dos Montes muito contribui, não só fornecendo os atores, mas também enfeitando a frente das casas, transformando-as em modestos, mas impressionistas, altares. Neles, não faltam crucifixos, imagens e estampas de santos, terços, flores, velas e outros objetos ligados ao culto católico. Esta ambiência, juntamente com o espírito de fé, conferem ao espetáculo sentido fortemente religioso.
 
 
Postado por
Fonte: Tencões e Terentenas . Direto de São João del-Rei

Mais informações:
GRUTSEM-Grupo Teatral Senhor dos Montes . Cadastro completo


www.saojoaodelreitransparente.com.br . Projeto e coordenação: Alzira Agostini Haddad . Todos os direitos reservados