São João del-Rei | Tiradentes | Ouro Preto
Transparentes

ser nobre é ter identidade

Publicações

Tipo: Artigos | Cartilhas | Livros | Teses e Monografias | Pesquisas | Lideranças e Mecenas | Diversos

Escopo: São João del-Rei | Tiradentes | Ouro Preto | Minas Gerais | Brasil | Mundo

 

Clipping de Notícias . Carnaval de Antigamente 2011 . Atitude Cultural . São João del-Rei

Descrição

Tema: Preservar é preciso!
Dados . Carnaval de antigamente Atitude Cultural 2011 . São João del-Rei . Tema Preservar é preciso: arquitetura
Imagens do Carnaval de antigamente 2011
Vejam fotos de São João del-Rei antiga e São João del-Rei preservada
Vídeo Carnaval de Antigamente . Atitude Cultural 2011





Fonte: Gazeta de São João del-Rei . 05 de março de 2011

***

Tradição e muita festa nas ruas de São João del Rei


Uma tradição que se renova e se aprimora a cada ano. Assim pode ser definido o carnaval de São João del Rei, festa que atrai milhares de foliões às ruas da cidade desde o fim dos anos 1960. Considerado um dos melhores carnavais de rua de Minas Gerais, o agito se divide entre desfiles de blocos e escolas de samba, bailes e apresentações culturais gratuitas que prometem abrilhantar a festa momesca, sem deixar de lado as características históricas do carnaval mineiro.
No ano de 2011, a folia oferece uma programação extensa e variada. Entre os dias 19 de fevereiro e 8 de março, nativos, turistas e visitantes poderão assistir ao desfile de 48 blocos de rua, que passeiam por diversas ruas e avenidas da cidade, além de shows musicais, como o Samba do Rei.
Confira a programação completa da folia para 2011
O carnaval de rua integra, também, o esperado desfile das escolas de samba. Em 2011, serão oito agremiações e quatro blocos carnavalescos, que mostram seus sambas-enredo e alegorias na Avenida Tancredo Neves, de 5 a 10 de março. Os ingressos para arquibancadas serão vendidos a preços populares.
Mas o carnaval de São João del Rei não se atém aos desfiles e blocos de rua. Há cerca de oito anos, com o crescimento da Universidade Federal de São João del Rei e a chegada de cada vez mais alunos, a folia na cidade ganhou uma roupagem mais jovem. Neste ano, o carnaval de São João contará com um espaço, localizado em área estratégica, com bares, praça de alimentação, abadás, segurança e área VIP com bebida liberada - tudo para fazer a festa da galera.

História


Espelhada nos moldes do Rio de Janeiro, a festa carnavalesca são-joanense teve seu ápice entre a segunda metade dos anos 60 e o início da década de 80, quando os desfiles eram animados pelos recém-criados Ranchos Carnavalescos, em comparação às Grandes Sociedades cariocas. Em São João, o primeiro que se tem notícia é o Rancho X, depois seguido pelos Boi Gordo, Qualquer Nome Serve, Prazer das Morenas e Custa, mas vai.
Saiba mais sobre a história dos blocos da cidade
Outra forma de celebrar o carnaval muito comum na cidade eram os corsos - desfiles de automóveis, na maioria conversíveis, que levavam os foliões fantasiados. Os registros das primeiras agremiações em São João del Rei dão conta do desfile da escola de samba Depois Eu Digo, em 1948, apesar de alguns moradores fazerem referência à escola Unidos da Prainha.
Atualmente, existe um grande número de agremiações. Entre elas, duas são genuinamente da cidade, sem receber influência do Rio de Janeiro: a escola de samba Bate-Paus e o bloco Os Caveiras, criado por moradores do Largo da Cruz, integrantes de famílias religiosas e de tocadores de sinos. Os Caveiras começaram a desfilar nas décadas de 50 e 60, sempre às segundas-feiras de carnaval, dia em que outras agremiações não desfilavam. A sua formação original era semelhante à de uma procissão e brincava com um tabu: a morte.

Carnaval das Cidades Históricas
Em 2011, São João del Rei integra, pelo terceiro ano consecutivo, o projeto Carnaval das Cidades Históricas, junto a Mariana, Ouro Preto, Diamantina, Sabará e Tiradentes. Apoiada pelas Secretarias de Estado de Turismo e de Cultura do Governo de Minas, a iniciativa busca a valorização do carnaval tradicional das cidades que são consideradas patrimônios históricos do Brasil.
Um pouco mais sobre São João del Rei
Com extensa programação de eventos gratuitos, o Carnaval das Cidades Histórica propicia mais qualidade à folia, além de movimentar a economia das cidades, fomentar o comércio, a rede hoteleira e o movimento nos restaurantes e bares. Vendas, prestação de serviços e a valorização do artesanato local e regional são outros frutos colhidos pela iniciativa. O projeto contribui, ainda, com o aperfeiçoamento das escolas de samba e blocos carnavalescos, possibilitando ao carnaval mineiro competir de igual para igual com folias de estados como Rio de Janeiro, Bahia e Pernambuco.
No ano passado, o Carnaval das Cidades Históricas reuniu cerca de 300 mil foliões, gerando aproximadamente 20 milhões de reais para a economia dos municípios. A iniciativa promoveu uma ocupação de 92% da rede hoteleira e gerou cerca de 4360 empregos. Para 2011, a expectativa é receber 420 mil foliões e gerar 28 milhões à economia das cidades, ocupando 97% da rede hoteleira e produzindo 4500 empregos diretos.

São João del Rei:
Distância de Belo Horizonte: 185 km
Acesso rodoviário: pegar a BR-040, sentido Rio de Janeiro, até Joaquim Murtinho. Entrar na BR-383, passando por São Brás do Suaçuí, Lagoa Dourada até chegar em São João del Rei.
Hospedagem: conheça algumas opções que a cidade oferece
Mais informações: www.saojoaodelrei.mg.gov.br

Fonte: www.divirta-se.uai.com.br

***

São João del-Rei tem "Carnaval de Antigamente"
Em São João del-Rei, o passado e o presente brincam carnaval de mãos dadas no bloco vespertino Carnaval de Antigamente Atitude Cultural. Ao som de velhas marchinhas, tocadas pela Banda Musical Theodoro de Faria, um corso de carros antigos - puxando bonecos gigantes do Mestre Quati, estandartes coloridos, malabaristas, alegres mascarados, pernas de pau, palhaços, arlequins, colombinas, crianças, jovens e maduros - percorre as principais ruas do centro histórico da cidade, até o sol se por.
É bonito de ver. Mais bonito ainda é deixar-se levar pela alegria contagiante e carnavalescamente lírica, que brota do calçamento de pedras, se debruça nos janelões coloniais, escorre dos telhados de beira-seveira, salta das torres das igrejas e vem se juntar a confetes e serpentinas, para encantamento de quem é da terra e também para quem nela vem festejar.
O reinado de Momo dura só três dias, mas a Atitude Cultural aproveita o Carnaval de Antigamente para vencer o tempo passado e trazer para o presente, lembrar, valorizar e homenagear personagens e agremiações que têm, ou tiveram, papel muito importante na história do carnaval são-joanense. Este ano, por exemplo, as homenagens vão para a Escola de Samba Bate Paus, uma das mais antigas de São João del-Rei, fundada em 1933. Sediada no bucólico Bairro Senhor dos Montes, para combinar com as flores e campos da Serra do Lenheiro, suas cores são o verde e o rosa. Por um bom tempo, o Bate-Paus teve características de rancho carnavalesco, desfilando ao som de marchas-rancho, mas depois modernizou-se, assumindo o formato de escola de samba.
Uma particularidade desta agremiação - exatamente a que lhe dá o nome e originalidade - é que, desde sua fundação, ela tem uma ala onde os participantes fazem uma correografia coletiva com um bastão, que batem em duplas e em roda, ora lembrando o movimento dos escravos africanos no cultivo agrícola, ora lembrando a dança negra do Maculelê. Segundo "velhos batepauenses" esta coreografia é mais antiga do que a própria agremiação, pois começou a ser dançada como brincadeira em 1901, tendo sido o interesse da comunidade por aquele "espetáculo" que inspirou a criação do rancho carnavalesco, hoje Grêmio Recreativo Escola de Samba Bate-Paus.
Carnaval é liberdade de agenda, mas o Carnaval de Antigamente você não pode perder. Por isso, reserve logo sua tarde do Domingo de Carnaval, 6 de março. Quem não quer um compromisso agradável com a alegria de todos os tempos?
Para saber mais sobre a Escola de Samba Bate Paus, acesse http://www.saojoaodelreitransparente.com.br/organizations/view/35

Fonte: http://diretodesaojoaodelrei.blogspot.com

***

Carnaval 2011 de São João del-Rei nos grandes jornais de Beagá e Sampa
Evoluindo, porém mantendo a tradição. Aos poucos, resgatando sua antiga fisionomia e também o prestígio de velhos tempos. Além de promover o entusiasmo e a alegria, difundindo também o compromisso e a responsabilidade. Assim caminha o carnaval 2011 de São João del-Rei. Este processo ganha cada vez mais visibilidade nacional e, em pouco mais de uma semana, foi destaque nos jornais Folha de São Paulo e Estado de Minas (links no final deste post).
Um ponto importante a se destacar no carnaval de São João del-Rei deste ano é que a folia servirá também como um instrumento de valorização do patrimônio cultural de nossa cidade. O bloco Carnaval de Antigamente, por exemplo, aproveitará o Reinado de Momo para divulgar o slogan Preservar é preciso, chamando carnavalescamente a atenção de todos para a riqueza cultural são-joanense e para a responsabilidade individual e coletiva na defesa, proteção e preservação do patrimônio material e imaterial de São João del-Rei.
É a cultura em festa, celebrando, enobrecendo e democratizando o acesso e a responsabilidade de todos na preservação da história, da memória e da cultura de São João del-Rei!

Fonte: http://diretodesaojoaodelrei.blogspot.com

***

“Quem não gosta de samba Bom sujeito não é É ruim da cabeça Ou doente do pé”


Depois do natal e do ano novo é só carnaval que faz a cabeça do brasileiro.
Carnaval de cores, de rítmos, de samba e suor, de dor, tudo junto e misturado.
Carnaval do alívio, dias de relaxar, de imaginar que existe vida, alegria e esperança.
De relembrar a fantasia, de ensaiar sobreviver, de se perder na multidão.
Eta, povo. Sabe como ninguém fazer da pausa do tamborim, um leve intervalo de sua luta sem fim.
Num mexe, mexe sem fim, gentil leva para as ruas a arte como espetáculo no canto, na evolução, no passo, na alegoria.
Só sendo povo, só se sabendo anonimo, só se fazendo de tolo.
Novidade tem não, que quem não se fantasia, não se adivinha...
Carnaval de antigamente, gente de atualmente, povo confiante de dias mais justos.
É essa gente que leva nos ombros esse Brasil de lutas mil.
É hora de colocar o bloco na rua, as contas na geladeira, balançar o esqueleto.
Esquecer o preço da carne, nem lembrar do dia de amanhã, dar-se um tempo de ser povo, de ser brasileiro, afinal é carnaval.
Carnaval da família, da tradição, aí, carnaval de antigamene...
No resgate cultural o ressurgir de um carnaval que é a síntese da arte que o povo brasileiro carrega na alma.
Carnaval de ontem e de hoje, cenários e revelação da arte e criatividade do brasileiro.
No mundo não há quem faça carnaval assim: singelo e rico, de alma, de povo, de arte.
Tempo da arte invadir as ruas e encher de glória esta nação.

Fonte: www.notaindependente.com.br

***

• Amanhã, a melhor pedida é o Carnaval de Antigamente, no Largo do Rosário. A folia promovida pela Atitude Cultural, é atração imperdível para os turistas e são-joanens que lavam a alma no ritmo do samba,
num grande baile a céu aberto. A organizadora, Alzira Agostini, é capaz de inovar a partir do mesmo tema. Este ano, além da jardmeira e dos carros antigos, o corso ganhou novo integrante: o Grizu do espetáculo Terra de Livres. Através do coordenador do Núcleo de Interiorização da Cultura, Adenor Simões, o Grizu será mantido na cidade e participará de cortejos e espetáculos de rua, como no Inverno Cultural. Outra novidade são as marionetes gigantes do projeto Janelas para Mulheres, que farão companhia aos bonecos gigantes do Mestre Quati, aos malabares e pernas de pau. Mais uma atração irresistível é a exposição de fotografias de carnaval do acervo pessoal de Jota Dangelo. O Carnaval de Antigamente homenageia a eterna
musa do carnaval são-joanense, Moema Magalhães. Nada mais merecido. A seu lado, o popular Beleleu, da Escola Bate-Paus. 

Fonte: Gazeta de São João del-Rei . 5 de março de 2011

***









Cadastre lideranças engajadas, sua ação sociocultural, seu projeto, produto, entidade, pesquisa, agenda cultural etc - contribua, complemente, atualize, curta e compartilhe!

Compartilhar no Facebook Compartilhar no Instagram Compartilhar no Whatsapp Imprimir

ESSE PORTAL É UM PROJETO VOLUNTÁRIO. NÃO PERTENCE À PREFEITURA MUNICIPAL | CADASTRE GRATUITAMENTE A SUA AÇÃO SÓCIOCULTURAL