São João del-Rei | Tiradentes | Ouro Preto
Transparentes

ser nobre é ter identidade

Melhores Práticas

Estação da Cultura Presidente Itamar Franco: Projeto para construção das sedes da Orquestra Filarmônica, Rede Minas e Rádio Inconfidência

Descrição

Estação da Cultura Presidente Itamar Franco terá sala para concertos com 1.400 lugares

O governador Antonio Anastasia lançou, na noite de quinta-feira (04/08), no Palácio das Artes, o projeto de construção do Estação da Cultura Presidente Itamar Franco. O conjunto arquitetônico será erguido no Barro Preto, região central de Belo Horizonte, e terá sala para concertos sinfônicos para 1.400 pessoas e abrigará as sedes da Orquestra Filarmônica de Minas Gerais, da Rádio Inconfidência e da Rede Minas de Televisão. A expectativa é que a obra seja concluída em 2014, com investimentos de R$ 140 milhões.
O governador Anastasia afirmou que o complexo cultural vai consolidar três importantes instituições culturais de Minas, além de contribuir para a revitalização do Barro Preto, região de fácil acesso da população.
“Estamos colocando para a população um complexo cultural, na região central, de fácil acesso, em um terreno que já pertence ao próprio Estado, ajudando a revitalizar a região. Mas o mais importante é a consolidação dessas instituições. Tanto a TV Minas como a Rádio Inconfidência são instituições muito antigas, sem sede própria, ficaram sempre aí peregrinando de sede em sede, mal instaladas, pagando aluguel, com equipamentos bons, mas sem aquela condição técnica adequada. E da mesma forma a Orquestra Filarmônica, que hora se abriga provisoriamente na Fundação Clóvis Salgado”, disse Antonio Anastasia.
O governador lembrou, em entrevista à imprensa, que Minas Gerais tem sido palco de boas notícias na área da cultura: o Circuito Cultural Praça da Liberdade, a inauguração do Sesc Paladium e agora o lançamento da Estação da Cultura. Além de ampliar o acesso da população ao bem cultural, os projetos fortalecem a vocação de Belo Horizonte para o turismo de negócios.
“Temos que ter as alternativas porque as pessoas vão vir, portanto, a Minas para fazer seus grandes eventos, seus congressos, e vão ter também oportunidade de lazer. E nós, mineiros, somos muito zelosos da nossa tradição cultural. Nós sabemos que Minas tem um imensa diversidade cultural, não só na Capital, mas em todos os municípios, e queremos mostrar isso ao Brasil e ao mundo”, disse o governador do Estado.
Depois da cerimônia de lançamento da Estação da Cultura Presidente Itamar Franco, Antonio Anastasia acompanhou a apresentação da Orquestra Filarmônica, dentro do projeto Alegro, no Grande Teatro do Palácio das Artes. Também participou da solenidade, a secretária de Estado de Cultura, Eliane Parreiras.

Sala de Concertos
A Estação da Cultura Presidente Itamar Franco terá como uma de suas missões inserir Minas Gerais no cenário internacional de música sinfônica. A Sala de Concerto terá espaço para 1.400 lugares e foi projetada para receber tratamento acústico diferenciado, com padrão internacional, e sistema de ajuste sonoro para repertórios distintos.
O espaço contará também com completa infraestrutura para gravações de áudio e vídeo, iluminação cênica, pontos de apoio para equipes de televisão, segurança e demais instalações dotadas de acessibilidade aos portadores de necessidades especiais.
A Orquestra Filarmônica terá sua sede no local, onde disporá de toda a estrutura funcional para atividades diárias, além de salas de ensaio, salas para apoio técnico de palco e oficinas de manutenção de palco e instrumentos. 

Estúdios modernos
A Rádio Inconfidência e a Rede Minas de Televisão serão instaladas em um prédio de oito andares e terão estúdios com tratamento acústico moderno e adequado para cada mídia. As redações contarão com toda estrutura e ilhas de edição com tecnologia de ponta. Todas as áreas de conteúdo das respectivas emissoras passarão a funcionar em um mesmo pavimento, de forma integrada, com ganho de agilidade e de qualidade. Soma-se a isso uma completa estrutura administrativa para a gestão das instituições.
As antenas de transmissão serão um dos pontos de referência do conjunto arquitetônico. Com formato estilizado, comporão a arquitetura do prédio e ficarão sobre uma torre de 75 metros de altura.

Centro de convivência
A praça de entrada da Estação da Cultura Presidente Itamar Franco será também atração para os visitantes, sendo composta por jardins, grande pérgula para sombreamento, bancos e lagos e café gazebo, transformando-se em um confortável centro de convivência com cerca de 8.000m². É somado ao conjunto um imóvel hoje existente no local, que é tombado como patrimônio histórico do município e será restaurado e convertido em restaurante, bistrô e café.

Fonte: Agência Minas, 8 de agosto de 2011

Cadastre lideranças engajadas, sua ação sociocultural, seu projeto, produto, entidade, pesquisa, agenda cultural etc - contribua, complemente, ajude a atualizar, curta e compartilhe!

Compartilhar no Facebook Compartilhar no Instagram Imprimir

ESSE PORTAL É UM PROJETO VOLUNTÁRIO. NÃO PERTENCE À PREFEITURA MUNICIPAL | CADASTRE GRATUITAMENTE A SUA AÇÃO SÓCIOCULTURAL