Melhores Práticas - Ação

4. Serviços Mundo

Biblioteca Digital Mundial . Programa Memória do Mundo UNESCO

Texto
Biblioteca Digital Mundial . www.wdl.org
 
Reúne mapas, textos, fotos, gravações e filmes de todos os tempos e explica em sete idiomas as jóias e relíquias culturais de todas as bibliotecas do planeta.
 
Tem, sobretudo, caráter patrimonial" , antecipou em LA NACION Abdelaziz Abid, coordenador do projecto impulsionado pela UNESCO e outras 32 instituições. A BDM não oferecerá documentos correntes, a não ser "com valor de  patrimônio, que permitirão apreciar e conhecer melhor as culturas do mundo em idiomas diferentes: árabe, chinês, inglês, francês, russo, espanhol e português. Mas há documentos em linha em mais de 50 idiomas".
 
Entre os documentos mais antigos há alguns códices precolombianos, graças à contribuição do México, e os primeiros mapas da América, desenhados por Diego Gutiérrez para o rei de Espanha em 1562", explicou Abid.
 
Os tesouros incluem o Hyakumanto darani , um documento em japonês publicado no ano 764 e considerado o primeiro texto impresso da história; um relato dos azetecas que constitui a primeira menção do Menino Jesus no Novo Mundo; trabalhos de cientistas árabes desvelando o mistério da álgebra; ossos utilizados como oráculos e esteiras chinesas; a Bíblia de Gutenberg; antigas fotos latino-americanas da Biblioteca Nacional do Brasil e a célebre Bíblia do Diabo, do século XIII, da Biblioteca Nacional da Suécia.
 
Fácil de navegar:
 
Cada jóia da cultura universal aparece acompanhada de uma breve explicação do seu conteúdo e seu significado. Os documentos foram passados por scanners e incorporados no seu idioma original, mas as explicações aparecem em sete línguas, entre elas o português. A biblioteca começa com 1200 documentos, mas foi pensada para receber um número ilimitado de textos, gravados, mapas, fotografias e ilustrações.
 

A Biblioteca Digital Mundial disponibiliza na Internet, gratuitamente e em formato multilíngue, importantes fontes provenientes de países e culturas de todo o mundo.

Os principais objetivos da Biblioteca Digital Mundial são:

  • Promover a compreensão internacional e intercultural;
  • Expandir o volume e a variedade de conteúdo cultural na Internet;
  • Fornecer recursos para educadores, acadêmicos e o público em geral;
  • Desenvolver capacidades em instituições parceiras, a fim de reduzir a lacuna digital dentro dos e entre os países.
PERGUNTAS FREQUENTES:
  1. Como você selecionou o conteúdo?

    O Grupo de Trabalho de Seleção de Conteúdos da Biblioteca Digital Mundial desenvolveu, inicialmente, diretrizes gerais para a seleção. Além disso, os parceiros da Biblioteca Digital Mundial trabalharam para incluir conteúdos importantes e culturalmente significativos sobre cada país-membro da UNESCO. O conteúdo está em uma variedade de formatos e idiomas, de diferentes lugares e períodos. A Biblioteca Digital Mundial concentra-se em materiais básicos importantes que incluem manuscritos, mapas, livros raros, gravações, filmes, gravuras, fotografias, desenhos arquitetônicos e outros tipos de fontes básicas. Um dos objetivos do conteúdo da Biblioteca Digital Mundial será trabalhar em estreita colaboração com o programa Memória do Mundo, da UNESCO, visando tornar as versões digitais destes acervos acessíveis ao público.

  2. Como você traduziu o conteúdo?

    O conteúdo não é traduzido. Os materiais básicos - livros, mapas, manuscritos, etc - aparecem em seu idioma original. O que reallmente traduzimos são os metadados (dados sobre o material), que tornarão possível pesquisar e navegar no site em sete idiomas. A equipe da Biblioteca Digital Mundial considera uma série de abordagens para a tradução, inclusive aquela auxiliada por computador, ou tradução mecânica, a tradução através de redes de voluntários (o modelo wiki) ou uma combinação destas. Estamos empenhados em oferecer traduções de alta qualidade e trabalharemos para melhorar o processo de tradução. Ao preparar-se para o lançamento inicial do site, a equipe da Biblioteca Digital Mundial utilizou uma ferramenta centralizada com memória de tradução.

  3. Quem classificou o conteúdo por lugar, tempo, assunto e  tipo de item?

    Trabalho deste tipo normalmente é feito por profissionais conhecidos como catalogadores, que trabalham de acordo com regras estabelecidas por qualquer um, dentre vários amplamente utilizados, sistema de catalogação nacionais e internacionais  para produzir dados bibliográficos (também conhecidos como metadados). Na medida do possível, a Biblioteca Digital Mundial contou com registros catalográficos existentes fornecidos pelas instituições parceiras, complementando estas informações conforme necessário, a fim de assegurar uma navegação adequada. Para a classificação por assunto, a WDL depende do Sistema de Classificação Decimal Dewey, que foi disponibilizado pela OCLC nos sete idiomas de interface. O Sistema de Classificação Decimal Dewey está passando por um processo de adaptação e de internacionalização, para melhorar sua capacidade de classificar o conteúdo proveniente de uma multiplicidade de países e culturas.

  4. Por que estes sete idiomas? Serão adicionados outros idiomas de interface?

    Árabe, chinês, inglês, francês, russo e espanhol são as línguas oficiais das Nações Unidas. O português é uma das principais línguas do mundo e as instituições do Brasil, o maior país de língua portuguesa do mundo, desempenharam um importante papel no desenvolvimento inicial da Biblioteca Digital Mundial. O acréscimo de outros idiomas está em estudos, mas não deve competir com outras prioridades mais urgentes, inclusive o aumento do volume e da diversidade de conteúdos de e sobre todos os países em todos os idiomas e o estabelecimento de capacidades digitais nos países em desenvolvimento.

  5. Como posso utilizar o conteúdo deste site?

    O conteúdo encontrado no web site da Biblioteca Digital Mundial é fornecido por parceiros da Biblioteca Digital Mundial. Questões relacionadas a direitos autorais sobre conteúdos de parceiros deverão ser direcionadas a esse parceiro. Ao publicar ou, de outra forma, distribuir materiais encontrados em coleções de um parceiro da Biblioteca Digital Mundial, o pesquisador tem a obrigação de determinar e satisfazer direitos autorais nacionais e internacionais ou quaisquer outras restrições de uso. Você pode encontrar mais informações sobre as leis de direitos autorais na Organização Mundial da Propriedade Intelectual dos estados-membros em http://www.wipo.int/about-ip/en/. Muitos itens da Biblioteca Digital Mundial contêm links para web sites parceiros. Os sites parceiros também estão conectados a partir página parceira da Biblioteca Digital Mundial.

  6. Como é financiado este projeto?

    TA Biblioteca Digital Mundial é um projeto de colaboração entre a Biblioteca do Congresso dos EUA, a UNESCO e parceiros por todo o mundo. Parceiros da Biblioteca Digital Mundial contribuem com conteúdos, bem como experiência em curadoria, catalogação, linguística e técnica. O projeto também recebeu apoio do setor privado. Mais informações sobre estas contribuições estão disponíveis nas páginas de Contribuintes Financeiros e de Agradecimentos. A Biblioteca Digital Mundial vem trabalhando no sentido de estabelecer parcerias adicionais com empresas tecnológicas e fundações privadas para apoiar o desenvolvimento deste projeto.

  7. Quem utilizará o site?

    Qualquer pessoa com um interesse mais amplo no mundo. Estudantes, professores, acadêmicos e o público em geral podem acessá-lo de diversas formas, mas há algo de interesse para todos.

  8. Que bibliotecas e instituições poderão participar?

    Qualquer biblioteca, museu, arquivo ou outra instituição cultural que tenha conteúdo histórico e cultural interessante poderá participar.

  9. Meu país está representado?

    Existe um conteúdo sobre cada país-membro da UNESCO no mundo. A Biblioteca Digital Mundial visa estabelecer as capacidades, especialmente nos países em desenvolvimento, a fim de permitir que as instituições de todos os países contribuam com conteúdo adicional para o projeto. Isto aumentará o volume e a diversidade cultural dos itens do site e ajudará a reduzir a lacuna digital.

  10. Como meu país (ou instituição) poderá aderir à Biblioteca Digital Mundial?

    Bibliotecas, arquivos, museus e outras instituições interessadas em se tornar parceiros devem entrar em contato com a equipe da Biblioteca Digital Mundial. A Biblioteca Digital Mundial trabalhará com parceiros em potencial para identificar importantes coleções para uma possível inclusão, pesquisar projetos e capacidades existentes, além de desenvolver planos de participação.

  11. Como poderei participar?

    A melhor forma de participar é identificar coleções importantes que representem um determinado país ou cultura e trabalhar com a equipe da Biblioteca Digital Mundial para que sejam incluídos no projeto. O ponto de partida é o conteúdo. Teremos o maior prazer em fornecer informações sobre oportunidades de voluntariado e discutir sugestões para o projeto com pessoas que entrarem em contato conosco.

  12. Como este projeto está relacionado com a Europeana?

    A Europeana e a Biblioteca Digital Mundial são projetos distintos. Europeana concentra-se na Europa e em coleções sobre a Europa mantidas em bibliotecas, arquivos e museus europeus. A Biblioteca Digital Mundial apresenta um enfoque mundial. As instituições que fazem parte da Europeana são bem-vindas a participar da Biblioteca Digital Mundial.

  13. Quem mantém o site da Web?

    O site da Biblioteca Digital Mundial é hospedado pela Biblioteca do Congresso dos EUA. Uma equipe com base na Biblioteca do Congresso mantém o site.

  14. Que mudanças estão previstas para o futuro?

    Estamos buscando ativamente mais instituições parceiras e contribuições de conteúdo, e trabalhando para melhorar a catalogação, a tradução e outras funções.

  15. De onde vem o conteúdo?

    De bibliotecas e outras instituições culturais da África, Ásia, Europa e Américas, do Norte e do Sul. Na época do lançamento público da Biblioteca Digital Mundial, em abril de 2009, havia contribuições de 26 instituições de 19 países, incluindo as principais instituições culturais (principalmente bibliotecas nacionais) dos maiores países das línguas: árabe, chinesa, inglesa, francesa, portuguesa, russa e espanhola. Uma lista atual de parceiros está disponível na página de parceiros da Biblioteca Digital Mundial.

  16. Quem estabeleceu os padrões de digitalização?

    Os padrões de metadados, digitalização e transferência de arquivos foram estabelecidos pela Biblioteca do Congresso e outros parceiros da Biblioteca Digital Mundial, com a contribuição de grupos de trabalho da Biblioteca Digital Mundial.

  17. Como o site será mantido e administrado no futuro?

    O crescimento sustentável será baseado no estabelecimento de uma rede mundial para a produção, apresentação, catalogação e tradução de conteúdos. A UNESCO e a Biblioteca do Congresso lançaram um apelo universal à participação e estão desenvolvendo uma licença multilateral. A licença da Biblioteca Digital Mundial proporcionará uma estrutura de governança, incluindo reuniões anuais de parceiros para desenvolver um modelo de sustentabilidade financeira a longo prazo e desenvolver políticas relativas à propriedade intelectual e à localização e manutenção de sites-espelho para hospedagem, entre outras questões.

  18. Como poderão as bibliotecas, instituições, organizações do setor privado e os indivíduos apoiar este projeto?

    Parceiros com coleções culturalmente importantes e interessantes e capacidade de digitalização são necessários para expandir e diversificar o site. Alguns parceiros precisam de equipamentos e treinamento para participar, especialmente no mundo em desenvolvimento. Contribuições significativas nas seguintes áreas ajudariam a construir a capacidade da Biblioteca Digital Mundial e assegurar seu crescimento:

    • Treinamento e equipamentos de digitalização: O desafio é desenvolver ferramentas e procedimentos para a criação e processamento de grandes volumes de conteúdo, sem comprometer a qualidade (funcionalidade, investigabilidade e experiência do usuário) do Web site.
    • Divulgação e sensibilização pública: Publicidade eletrônica e impressa são necessárias para direcionar o tráfego até o site. Mecanismos de entrega alternativos (incluindo dispositivos móveis) aumentarão a utilização, especialmente em países com baixa penetração de banda larga e/ou de Internet.
    • Assistência com catalogação e tradução: Estão sendo consideradas estratégias para envolver comunidades de voluntários (modelo wiki) para ajudarem a identificar e descrever recursos primários e para traduzir metadados.
    • Apoio Financeiro: Faz-se necessário um  financiamento plurianual substancial para o estabelecimento de centros de conversão digital,  criação e transformação de conteúdos digitais e um desenvolvimento maior da Biblioteca Digital Mundial como rede de produção.

    Entre em contato com a equipe da Biblioteca Digital Mundial se você estiver interessado em participar através destas ou de outras formas.

    Fonte: Biblioteca Digital Mundial

 

O conteúdo desse portal pode ser reproduzido, desde que citadas as fontes e os créditos.

www.saojoaodelreitransparente.com.br . Projeto, pesquisa, organização e concepção: Alzira Agostini Haddad . Todos os direitos reservados