Organização

Associação dos Moradores e Amigos do Grande Matosinhos - ASMAT

Endereço
Rua Manoel Fortes, 77 Bairro de Matosinhos . São João del Rei . CEP: 36305-186  
Telefone
(32) 3371 5342 . (32) 9981 4203  
Email
jclaudio@mgconecta.com.br  
Atividades/Serviços
Somos uma entidade civil, de utilidade pública, conforme lei municipal n º 3624;
Projetos - pesquisas - programas e ações já desenvolvidos:
Triângulo Histórico de Matosinhos - consta do resgate ou restauração das edificações que compõem a nossa logomarca, ou seja: - réplica da igreja primitiva do Senhor Bom Jesus de Matosinhos (1771-1774), restauração da Estação ferroviária de Chagas Dória (1910) e réplica do Pavilhão de Exposições de Matosinhos (1913).

Posse dia 02/02/2013:

Inovação e trabalho em prol da comunidade
 

Tomou posse no último dia 2 de janeiro, a nova diretoria da Associação de Moradores e Amigos do Grande Matosinhos (ASMAT). O novo presidente será Leonardo Patrus tendo como vice o fundador da associação José Cláudio Henriques. Patrus é filho de Sérgio de Almeida Ramalho – in memoriam e Rosana Maria Patrus Ananias, neto de Beneticta Barbosa (Tituca) – in memoriam e Alberto de Almeida Ramalho – in memoriam. Desde pequeno sempreesteve em São João del-Rei , local onde a família do pai foi criada. A partir de agora Leonardo diz que pretende unir todas as associações em prol de uma comunidade mais forte. “Não fazemos uma associação sozinho. Por isso, vamos conversar com os presidentes dos demais grupos e fazer um trabalho em equipe”, disse.

 

A nova mesa diretoria ficou assim formada:
 

Leonardo Patrus – presidente;
José Cláudio Henriques – vice-presidente;
Cláudia Teixeira Henriques Patrus – 1º secretário;
Dalmar Trindade de Moura – 2º secretário;
José Roberto Zin – 1º tesoureiro;
Jânio Fernando Salomão – 2º tesoureiro;
Conselho Fiscal: Maria Silvia Teixeira, José Roberto Gonçalves, Sebastião Mamede, Aluízio Barros.
Conselho Deliberativo: Aldo Zerlottini, Nélson Domingos de Abreu.

Fonte: O Grande Matosinhos, nº. 104, janeiro de 2013.

 
Data de início das atividades
31 de Agosto de 1999  
Histórico da entidade
A criação da Associação dos Moradores e Amigos do Grande Matosinhos (ASMAT)

Nos primórdios de 1999 e incentivado por um grupo de pessoas, foram convocadas por escrito, lideranças do território demarcado no estatuto, que se resolveu chamar-se de "Grande Matosinhos", bem como através de editais publicados nos jornais locais, para a criação da Associação de Moradores. Assim, após várias reuniões, todas elas lavradas em ata, finalmente, no dia 31 de agosto de 1999, a assembléia resolveu aprovar, por unanimidade, a constituição da ASMAT. Dessa forma, encontra-se a seguir a ata da referida assembléia:
"Realizou-se às 19h30 horas do dia 31 de agosto de 1999, em 2ª chamada, no salão de catequese da Matriz do Senhor Bom Jesus de Matosinhos, a 4ª reunião Pró-criação da Associação dos Moradores e Amigos do Grande Matosinhos.
José Cláudio Henriques, que vinha conduzindo as reuniões anteriores, abriu a reunião, saudando a todos os presentes e deixando bem claro que se fosse pela vontade da maioria presente, esta reunião iria cumprir o Edital de 22 de julho de 1999, publicado no jornal Tribuna Sanjoanense de 03 de agosto de 1999, o qual convocava a todos os moradores do bairro de Matosinhos para:
- Crairem a Associação de Moradores e Amigos do bairro;
- Elegerem a primeira Diretoria;
- Aprovarem o estatuto;
- Tratarem de assuntos gerais.
José Cláudio Henriques disse também que foi cumprida a atribuição constante da última ata, ou seja, foram convidados por escrito os representantes das demais associações existentes no Grande Matosinhos que ainda não tinham participado das reuniões anteriores nas pessoas do Senhor Antônio Serpa (Bairro Santo Antônio), Estefânio Muffato (INOCOOP), José Roberto Zim (Bairro Nossa Senhora de Fátima), Paulo Zini, Bené do Calçadão e Osni Paiva (PIO XII), Mara (Comunidade Santa Clara), Vicente de Freitas e Magui Nascimento (parte central de Matosinhos).
Em seguida, foram lidas as três atas das três últimas reuniões pela Sra. Angela Domingues, as quais foram aprovadas e assinadas por todos os presentes.
O senhor Ulisses Passrelli pediu esclarecimento se as demais associações que estavam conduzindo os trabalhos questionou aos presentes se era oportuna nesta reunião a aprovação do Estatuto, e, colocando em votação, os presentes, por 14 (quatorze) votos a 06 (seis), resolveram submetê-lo a aprovação. Assim sendo, o mesmo foi aprovado por unanimidade.
Dando prosseguimento à reunião, José Cláudio Henriques questionou aos presentes se era oportuna a eleição da Primeira Diretoria, e, por unanimidade, os presentes disseram que sim.
Assim sendo, foi eleita e empossada por aclamação a primeira Diretoria da Associação dos Moradores e Amigos do Grande Matosinhos, assim constituida:
Presidente: José Cláudio Henriques;
Vice-presidente: José do Carmo Silva;
1º Secretário: Angela Maria Nascimento Rodrigues;
2º Secretário: Maria Silvia Teixeira Henriques;
1º Tesoureiro: Estefânio Bento Muffato;
2º Tesoureiro: Nelson Domingos de Abreu.
Conselho Fiscal: Pedro Chaves Walsh, Wilson José Giarola e José Roberto Zim.
Suplentes: Edson Afonso Fonseca, Eva Maria Muffato e Maria de Lourdes Gonçaves Dias Giarola.
Conselho Deliberativo: Neide Batista Santos e Robson Jesus dos santos.
Suplentes: Antônio Carlos Garcia e Shirley Aparecida do Nascimento.
Foram eleitos para o Conselho de Cultura: Ulisses Passarelli, Cida Salles, José Antônio de Avilla e Osni Paiva.

Fonte: O Grande Matosinhos, nº. 104, janeiro de 2013.  
Principais problemas/dificuldades da área atuante
Falta de apoio político e econômico  
Publicações
Jornal "O Grande Matosinhos" e em andamento o livro: "Bairro de Matosinhos, Berço da cidade de São João del Rei";  
Ações
Projetos - pesquisas - programas e ações em andamento:
Restauração e ajardinamento da estação ferroviária de Chagas Dória e seu entorno e réplica da igreja do Senhor Bom Jesus de Matosinhos;  
Público alvo para comunicação de atividades da entidade
Prefeito, vereadores, empresários e entidades da região;  
Observações e dados importantes que não solicitados
São João del-Rei, 16 de março de 2009.

Exmo. Sr. Nivaldo José de Andrade
MD. Prefeito Municipal de São João del-Rei
Exma. Sra. Jânia Costa
MD. Presidente da Câmara Municipal de São João del-Rei
NESTA

Na qualidade de presidente da Associação de Moradores e Amigos do Grande Matosinhos (ASMAT), procurado por vários moradores do bairro, venho através desta solicitar-lhes apoio no sentido de impedir o estreitamento dos dois passeios laterais da Avenida Josué de Queiroz.

O mencionado estreitamento colocará indefesos alunos das escolas, bem como demais transeuntes.

Esta medida arbitraria da prefeitura municipal tende a privilegiar carros, motos, ônibus e caminhões, a prejuízo de vidas humanas.

Quando o prefeito Nivaldo alargou os passeios no sentido de dar proteção aos pedestres e fazer mão única no sentido Praça de Matosinhos Vila Santa Terezinha, nossa associação teceu vários elogios na imprensa local parabenizando-o pela excelente medida. Eis que de repente, sem consultar a população local, obras de estreitamento dos passeios estão sendo realizadas.

Um outro agravante também está em jogo, que são os gastos com dinheiro público, uma vez que foi despendido muito dinheiro para a confecção do passeio com pedras portuguesas e agora gasta-se para desmanchá-los. Um exemplo idêntico a esse aconteceu com as barracas de alvenaria na praça de Matosinhos, que esta associação de moradores tentou impedir, e que também ceifaram várias vidas humanas e finalmente tiveram que desmanchá-las.

Portanto, esta associação de moradores é a favor da continuidade do passeio como está e a favor de mão única, subindo a Josué de Queiroz, ainda mais que temos o recurso do prolongamento da rua Professor Mário Mourão Filho, acima da linha férrea, o qual desafogará em muito o trânsito na saída do portão da rede (Alcoólatras Anônimos) e com a construção de uma ponte na altura do campo do Siderúrgica diminuirá também o número de veículos na Josué de Queiroz.

Em anexo, estamos encaminhando cópia da Ata de Reunião da ASMAT do dia 16/12/1999 com a presença de representantes do Corpo de Bombeiros, Secretário de Obras e de Trânsito, em que aprovam a solução para a Avenida Josué de Queiroz.

Portanto, contamos com a consciência e a reflexão de V. Sas. e nada mais tendo a tratar, despeço-me com um cordial abraço.

Atenciosamente.

José Cláudio Henriques

PRESIDENTE DA ASMAT
Rua Manoel Fortes, 77 – Matosinhos
Tel. 3371-5342 ou jclaudio@mgconecta.com.br  
Data da coleta dos dados
A partir de 1989  
Responsável pelas informações
José Cláudio Henriques (32) 9981 4203  

O conteúdo desse portal pode ser reproduzido, desde que citadas as fontes e os créditos.

www.saojoaodelreitransparente.com.br . Projeto, pesquisa, organização e concepção: Alzira Agostini Haddad . Todos os direitos reservados