Ouvidoria

Cultura e Patrimônio / Violência Doméstica / Educação / Meio Ambiente / Saúde / Responsabilidade Sócio Cultural / Turismo / Campanhas / Diversos /

Manifestação reivindicando melhorias na qualidade de trabalho e por um índice de reajuste maior

Com palavras de ordem “Nivaldo, nós viemos aqui só para te ver“, os servidores municipais de São João del-Rei realizaram em frente ao prédio da Prefeitura, na última quinta-feira, manifestação reivindicando melhorias na qualidade de trabalho e por um índice de reajuste maior que os 5% oferecidos pelo prefeito Nivaldo de Andrade. Em suas justificativas, os servidores, através do SINDSERV, alegaram que as perdas salariais foram superiores a 20% e que o prefeito municipal gasta menos do que o previsto em sua dotação Orçamentária com a Folha de Pagamento, e ainda quer manter seus cargos comissionados ao invés de reajustar melhor os salários daqueles servidores municipais concursados que atendem nos postos de saúde, nas obras, na varrição das ruas, no DAMAE, na Administração, nas ambulâncias, nos cemitérios municipais, nas escolas e nos demais setores que atendem a população. Na manifestação o SINDSERFV enumerou os cargos comissionados na administração. Participaram do ato, dirigentes do SINDSERV e as vereadoras Silvia Fernanda Almeida e Vera Lúcia Alfredo. O prefeito Nivaldo apesar de convocado não compareceu ao ato, mas um de seus secretários, do Planejamento, José Egídio de Carvalho se dispôs a falar com os servidores, e disse que a administração municipal está à disposição dos servidores para negociação das reivindicações lembrando que “os servidores é que mantém a cidade”.

Fonte: Tribuna Sanjoanense . Julho de 2009

Para mais informações/imagens sobre este tema, utilize o SISTEMA DE BUSCA de nosso portal 
Colabore com este Portal compartilhando suas fotos, documentos e ação/projeto cultural.
Registraremos esta colaboração e todos os créditos.  Envie por favor para o nosso 
contato.


www.saojoaodelreitransparente.com.br . Projeto e coordenação: Alzira Agostini Haddad . Todos os direitos reservados