São João del Rei Transparente

Ouvidorias

Comitê da Bacia Hidrográfica Vertentes do Rio Grande

Descrição

Eleição

Por Gazeta de São João del-Rei em 26/01/2013
O Comitê da Bacia Hidrográfica Vertentes do Rio Grande recebe inscrições para a eleição de novos membros, com mandato 2013-2017, até o dia 15 de fevereiro. Elas podem ser feitas via correio, na própria CBH Vertentes do Rio Grande, no Instituto Mineiro de Gestão de Águas ou no Departamento de Engenharia Elétrica da Universidade Federal de São João del-Rei, no campus Santo Antônio. No total são 48 vagas e podem participar os usuários de água, como indústria, mineração, empresa de abastecimento e saneamento, além de organizações não governamentais que atuam na área de recursos hídricos, associações regionais, entidades de classe, instituições de ensino e pesquisa e representantes dos poderes públicos estadual e municipais.

***

Comitê se reúne para definir Plano Diretor da Bacia do Rio Grande

O primeiro passo para se aprovar o Plano Diretor da Bacia do Rio Grande na região do Campo das Vertentes foi dado na última terça-feira, 19, em uma reunião entre representantes do Cômite da Bacia Hidrográfica do Alto Rio Grande (GD1) e do Comitê da Bacia Hidrográfica Vertentes do Rio Grande (GD2).
Ao todo, a Bacia Hidrográfica foi dividida em oito cômites. Os municípios da região das Vertentes estão nos cômites do GD1 e do GD2. A próxima reunião deverá acontecer em 15 dias na qual será criado o conselho técnico.
O plano diretor tem como objetivo preservar e melhorar os cursos de água em termos de qualidade e quantidade, fazer cumprir as legislações ambientais, entre outros. Além disso, sua criação facilita a liberação de verbas para custear obras e projetos de empresas e dos próprios municípios através do Fundo de Recuperação, Proteção e Desenvolvimento Sustentável das Bacias Hidrográficas do Estado de Minas Gerais (Fhidro).
A ideia inicial da reunião era unir os comitês do GD1 e GD2 para elaborarem juntamente um só plano diretor. Segundo o presidente do comitê Vertentes do Rio Grande, Sérgio Grossi, as diferenças presentes nas duas regiões obrigaram a criação de dois planos. "Os municípios que compreendem o GD1 possuem como problema central o grande número de voçorocas (erosões causadas pelo desmatamento excessivo ao redor das nascentes). Já no GD2 a contaminação da bacia hidrográfica é devido a presença de indústrias e minerações e pela grande quantidade de agricultores familiares, pois estes, depositam muitos resíduos químicos em nossos rios", explicou.
Ainda de acordo com o presidente do comitê esta reunião foi muito importante para a criação do plano. "Tivemos grande participação da maioria das setenta cidades que compõem o GD1 e o GD2. Além de autoridades municipais, tivemos também representantes de empresas e companhias de água. Isto nos mostra que existe sim, uma preocupação na preservação de nossas bacias hidrográficas", ressaltou Grossi.
Após a criação do conselho técnico, a próxima etapa dos comitês será criar um regulamento que deverá ser seguido pelas prefeituras municipais, empresas e pessoas em geral. Grossi acredita que este documento deverá estar concluído até julho deste ano e as normas presentes no plano estarão em prática até o final de 2010. 

Fonte: Gazeta de São João del-Rei

Para mais informações/imagens sobre este tema, utilize o SISTEMA DE BUSCA de nosso portal  
Colabore com este Portal compartilhando suas fotos, documentos e ação/projeto cultural.
Registraremos esta colaboração e todos os créditos.  Envie por favor para o nosso 
contato
Compartilhar Imprimir

ESSE PORTAL É UM PROJETO VOLUNTÁRIO. NÃO PERTENCE À PREFEITURA DE SÃO JOÃO DEL-REI.
Contribua ajudando-nos a atualizar dados, ações, leis, agenda cultural etc. Todos os créditos serão registrados.