Agenda Cultural - Evento

Festival Palco Italia 2012 . 5 de Maio a 3 de Junho

Data
05 Maio 2012  
Mais informações




No período de 05 de maio a 03 de junho de 2012, a Associação Ponte entre Culturas - MG promove uma edição especial do Festival Palco Italia, dedicada à dança, à música, ao teatro e à memória da imigração italiana.

O “Palco Itália 2012” é parte integrante do MIB – Momento Itália Brasil, instituído pela Embaixada da Itália, é realizado com o apoio do Ministério da Cultura e conta com uma extensa rede de entidades parceiras em todas as cidades envolvidas.

Espetáculos,  atividades de formação e intercâmbios artísticos: os eventos dessa edição pretendem divulgar novas tendências onde o contemporâneo dialoga com a tradição, criando espaços para a troca de experiências entre artistas dos dois países e atingindo todo tipo de público.

É nesse sentido que o Festival se configura como “ítalo-brasileiro”, na medida em que se propõe como “ponte” entre pessoas, agentes culturais e artistas; entre entidades da sociedade civil e instituições, brasileiras e italianas.

O Festival será sediado em Belo Horizonte, mas abrangerá, também, outras cidades mineiras ( Ibirité,  São João del Rei, Ouro Branco, Ouro Preto), além dos estados do Espírito Santo (Venda Nova do Imigrante), Paraná (Curitiba) e Rio Grande do Sul (Porto Alegre, Bento Gonçalves e Santa Cruz do Sul). Estão programadas a circulação da Compagnia Botega, com o espetáculo “Paracasoscia”, onde a lírica clássica faz a trilha sonora para os movimentos de hip hop; da Compagnia Artemis Danza, com o espetáculo “Traviata”, inspirado na obra de Giuseppe Verdi; shows da cantora e compositora Patrizia Laquidara, jovem revelação da música popular italiana, acompanhada pela guitarra jazzística de Giancarlo Bianchetti.

A programação contempla também uma homenagem aos imigrantes italianos com a apresentação do espetáculo Borgobandoballo,  da Cia Teatral ManiCômicos, retratando as desventuras de imigrantes no final do século XIX, em São João del Rei/MG, banidos da cidade e revoltados com as condições de vida e de trabalho.

Será também realizada uma Jornada dedicada à Imigração Italiana com apresentação da pesquisa: “Terra, Cultura e Patrimônio dos Ítalo-descendentes de Minas Gerais (Itueta, São João del Rei, Machado e Poços de Caldas), realizada pelo Departamento de Antropologia Cultural da Universidade La Sapienza de Roma.

A Jornada abrirá a programação do Festival em Belo Horizonte, no dia 05 de maio, às 10.00 horas, no Instituto Histórico e Geográfico de Minas Gerais, Rua dos Guajajaras, 1268 – Centro.  Em São João del Rei a pesquisa será apresentada no dia 12 maio, às 16.00 horas no Anfiteatro do Campus Santo Antônio, da Universidade Federal de São João Del Rei.

Fonte: Festival Palco Itália

Mais informações:
Martha Toffolo

Coordenação de Comunicação
Festival Palco Itália  - Ponte entre Culturas
Tel. (31) 3221.6959 - Cel. (31) 87456959
marthatoffolo@gmail.com

Confiram a programação e todas as informações pertinentes ao Festival Palco Italia 2012 no site www.festivalpalcoitalia.com.br

Veja também:
Em São João del-Rei . Espetáculo Borgobandoballo . Palco Itália . 11, 12 e 13 de Maio

Em São João del-Rei . Apresentação da pesquisa "Terra, Cultura e Patrimônio dos ítalo-descendentes de Minas Gerais" 

Mídia:


Jornada Sobre A Imigração Italiana em Minas Gerais . Apresentação em 12 de Maio em São João Del Rei


Da esquerda para a direita: Maria Pia Calisti - Cônsul da Itália em Belo Horizonte;Tiziano Sposata - pesquisador do Departamento de Antropologia Cultural da Università La Sapienza di Roma; Rosario Raciti - Vice-Cônsul da Itália em Belo Horizonte; Giusi Zamana - Presidente da Associação Ponte entre Culturas, Coordenadora Geral do Festival Palco Italia eJuliano Pereira - Diretor da Cia Teatral ManiCômicos.


No sábado, 12 de Maio 2012, o Festival Palco Italia, promovido pela Associação Ponte entre Culturas-MG levou a São João del Rei a apresentação das pesquisa “Terra, Cultura e Patrimônio dos Ítalo-descendentes de Minas Gerais (Itueta, São João del Rei, Machado e Poços de Caldas)”, realizada pelo Departamento de Antropologia Cultural da Universidade La Sapienza de Roma, com a coordenação do Prof. Alessandro Simonicca, no âmbito da  Missão Etnológica do Ministério do Exterior Italiano. O pesquisador Tiziano Sposato apresentou os resultados da pesquisa, descrevendo os motivos da vinda dos italianos para o Brasil, que foram destinados à Colônia do Giarola, seu perfil, sua relação com a pátria de nascimento e com a nova pátria recém adotada.


Nesta apresentação, tivemos, também a oportunidade de ouvir os relatos da pesquisadora da Universidade Federal de São João del Rei, Elaine Andrade, graduada em Psicologia, que estudou a mesma comunidade local para traçar um paralelo com as comunidades italianas originais dos nossos imigrantes na Itália sobre as brincadeiras infantis trazidas para o nosso país.  A pesquisa tem o título de "Praticas lúdicas dos imigrantes italianos: tradição e tradução".

Foi uma ocasião de relatos interessantes, pois a Cia ManiCômicos, na pessoa de seu diretor, Juliano Pereira, também deu um depoimento sobre o processo de pesquisa efetuado pela companhia para a criação do espetáculo “Borgobandoballo – O Baile da Vida dos Exilados”. A peça narra a trajetória de imigrantes italianos, no ano de 1889, em São João del-Rei, que, revoltados com a precariedade das condições de trabalho oferecidas, se rebelaram contra o governo. Eles foram colocados em um trem e banidos da cidade. Não se sabe o que aconteceu realmente com eles, mas a Cia ManiCômicos nos leva a vivenciar um pouco desta experiência: as dificuldades trabalhistas dos italianos naquela época, seu modo de vida, vestuário, alimentação e diversão.

As experiências dos pesquisadores e  dos membros da Cia ManiCômicos comprovam a dificuldade em se encontrar documentação de qualquer natureza e até relatos sobre o passados dos imigrantes em terras tupiniquins.  Mas este fato nos instiga a “revirar os baús” de nossa própria história para buscar mais informações que retratem os acontecimentos do passado.

Afinal, somos tantos, tantíssimos aqui nestas terras, que dizemos em uníssono: “siamo tutti buona gente”, visto que Minas Gerais foi o terceiro maior estado brasileiro a receber imigrantes italianos e, ainda hoje, um dos maiores que mantém sua população de ítalo-descendentes.

Fonte: Assessoria de imprensa do Palco Itália

Clipping de Jornais:

















 
Vídeo
 

O conteúdo desse portal pode ser reproduzido, desde que citadas as fontes e os créditos.

www.saojoaodelreitransparente.com.br . Projeto, pesquisa, organização e concepção: Alzira Agostini Haddad . Todos os direitos reservados