Banco de Imagens: Tapete de Rua/Flores . São João del-Rei


Veja mais imagens de Tapete de Rua/Flores em:
Semana Santa Cultural 2014 . São João del-Rei
Semana Santa Cultural 2013 . São João del-Rei
Semana Santa Cultural 2012 . São João del-Rei
Semana Santa Cultural 2011 . São João del-Rei

Semana Santa Cultural 2010 . São João del-Rei
Semana Santa Cultural 2009 . São João del-Rei
Semana Santa Cultural 2008 . São João del-Rei 
Semana Santa Cultural 2007 . São João del-Rei
Semana Santa Cultural 2006 . São João del-Rei
Semana Santa Cultural 2005 . São João del-Rei
Semana Santa Cultural 2004 . São João del-Rei
Semana Santa Cultural 2003 . São João del-Rei
Semana Santa Cultural 2002 . São João del-Rei
Semana Santa Cultural 2001 . São João del-Rei

Mais informações
Tapetes embelezam a cidade de São João del-Rei na Semana Santa . TV Alterosa 
Tapetes de Rua . Semana Santa Cultural 2014
Vídeo Tapetes de Rua 2013 . TV Integração
Vídeo Oficina Tapetes de Rua/Flores . Semana Santa Cultural 2013 . Largo São Francisco
Semana Santa em São João del-Rei

Semana Santa Cultural . Atitude Cultural
Documentário Semana Santa em São João del-Rei Brasil . Tapetes de Rua/Flores
Tapetes de Rua . Antônio Gaio Sobrinho
Tapetes de Rua . Antônio Emílio da Costa
Tapetes de Rua no Brasil e no mundo
Brasil al "Tapete"

TAPETES DE RUA por claudio.marcio2 - ON/OFF.
Mestre Carlos Magno de Araújo, homenageado Semana Santa Cultural 2010 . Foto: Cláudio Lopes

Com a participação crianças, de artistas locais e da comunidade, os Tapetes de Rua de São João del-Rei em várias praças e bairros, são famosos pela sua beleza e riqueza de detalhes.
No Largo São Francisco, destaque para os trabalhos dos artistas plásticos Carlos Magno de Araújo, Fernando Pedersini, Lucas Araújo, Thiago Monteiro, Jaime Vieira, Wilson do Rio das Mortes, Delcy Batista Vieira, Potto, Paulinho Pintor, Cida Lima, Hugo Agostini Haddad, Samuel Marcelino, Class Cleber, Conrado entre outros.
São João del-Rei sempre cultivou a arte dos Tapetes de Rua/Flores, a OLAV-Oficina Livre de Artes Visuais, um grupo de amigos e artistas plásticos, deu a este ofício uma forma mais apurada e artística. Vários grupos como o Grupo Arte de Rua, a Oficina Artes da Terra/Patrícia Monteiro, muito contribuiram com esta tradição, integrando este projeto e outros projetos próprios.
O projeto Semana Santa Cultural e Tapetes de Rua/Flores iniciou-se no ano 2.000 com o NAC-Núcleo de Assessoria Cultural. Coordenadores até o ano 2002: Alzira Agostini Haddad, Suely Campos Franco e Adenor Simóes Coelho. Até 2005: Alzira e Suely. De 2006 a 2014, a Atitude Cultural desenve diversas ações sócio-culturais e a confecção de oficinas-viva de Tapete de Rua/Flores com crianças, entidades e grupos de vários bairros, cuidando para que esta tradição possa ser eternizada através de gerações. 

A participação de toda a comunidade se faz presente, as floras da cidade participam elaborando seus tapetes com flores naturais, várias entidades sócio-culturais integram também este projeto: Oficina Artes da Terra, OLAV-Oficina Livre de Artes Visuais, Coopertur- Cooperativa de Condutores de Turistas de São João del Rei, GRUTSEM-Grupo Teatral Senhor dos Montes, Grupo Bairro Bela Vista, Grupo Calanquê, APAC-Associação de Proteção e Assistência ao Condenado, Conservatório de Música Padre José Maria Xavier, Lendas São-joanenses, Instituto Apoiar entre outras.
Elegemos motivos do patrimônio local para a confecção dos Tapetes de Rua, além dos motivos religiosos que são retratados tradicionalmente. Turistas vindos de todos os lugares do mundo ficam encantados com a beleza e singularidade destes tapetes.
Na Semana Santa são confeccionados lindíssimos Tapetes de Rua também no Largo do Rosário, pela Oficina Artes da Terra; no Largo do Carmo, pelo Grupo Arte de Rua; no Bairro Senhor dos Montes, pelo Grupo de Jovens e em outros locais da cidade. Crianças, artistas, grupos diversos, comunidade se unem em torno desse objetivo comum e aos poucos, serragens, terra, flores naturais, folhas, sementes e areias pigmentadas de diversas cores, transformam-se em verdadeiras obras de arte.

Em 2015 a Atitude Cultural trabalha na transição sustentável desta tradição, passando o projeto aos seus principais equipes parceiras: Grupos Lendas Sanjoanenses/Rumos em Rotas (responsável pelo Tapete de Rua entre as palmeiras da Igreja SF), Grupo Calanquê/Milena Lopes (responsável pela Oficina Viva de Tapetes de Rua); a Associação Tapetes de Rua e os artistas, que fazem da arte do Tapete de Rua, uma referência nacional, sob a coordenação de AASJDR-Associação Amigos de São João del-ReiMAS-Museu de Arte Sacra de São João del-Reie a Secretaria Municipal de Cultura/Prefeitura Municipal. 

Esperamos que as instituições, pessoas, entidades e empresas continuem a fazer os seus Tapetes de Rua em frente as suas casas, nas suas ruas e praças - unindo-se aos vizinhos e amigos. Iniciativas como esta identificam novas lideranças, artistas e atores sócio-culturais, possibilitando que esta linda tradição seja preservada, vivenciada e multiplicada. 
Tapetes de Rua, velas e colchas nas janelas - aí vem a procissão!

PASSO A PASSO NA CONFECÇÃO DE TAPETES DE RUA/FLORES ATITUDE CULTURAL:

  • Organizar as equipes de trabalho
  • Planejar os desenhos, o projeto e os moldes. Pode-se fazer moldes mais baratos com papelão e também com lonas de banners reciclados, que é mais fácil de desenhar, recortar e de se utilizar. Aconselhamos que a parte impressa seja pintada de cinza, para que - na hora da foto - não polua o registro fotográfico ou videográfico. A Atitude Cultural desenvolveu a técnica de se fazer moldes em carpetes, que tem um custo mais elevado apesar de ser muito prático e durável. Aconselhamos o reuso dos moldes mas sempre inovando e criando mais detalhes para diferenciar os Tapetes.
  • Material dos Tapetes de Rua/Flores: moldes, serragem (que deve ser tingida com certa antecedência, aconselhamos dois dias antes, pois a serragem tende a mofar), areia, pó xadrez, giz. Flores naturais são sempre uma beleza, mas precisam ser colocadas quando o sol está mais ameno, para não murcharem
  • A quantidade média de serrragem para o Tapete de Rua do Largo São Francisco é de 40 sacos de serragem fina (encomendar com antecedência, só pegar no máximo 8 dias antes para não mofar, levar sacos vazios para a colocação da mesma, que pode-se comprar nas padarias ou conseguir como apoio). O tapete entre as palmeiras mede em torno de 30 m e o tapete na rua em frente à Igreja de São Francisco, mede em torno de 52 m
  • Para cada 5 m de Tapete de Rua, gasta-se 2 sacos de serragem para forração/fundo
  • Quantidade média de areia branca (da Omega Mineradora 032 3371 5388): 10 sacos - dependendo do projeto e desenho do Tapete de Rua
  • Pode-se utilizar terra preta para desenhos e contornos, terra especial coada (Floriculturas)
  • Pó Xadrez para colorir a serragem - com 2 ou 3 dias antes, ir molhando devagar e misturando tudo. Para um saco de serragem, a medida de pó xadrez é 4 caixinhas de 250 g, dependendo do tom que se deseja. Quando a serragem tingida seca, a cor clareia um pouco. Na hora de misturar o pó xadrez na serragem úmida, quanto mais esfregar e misturar a serragem, mais a cor aparece. Aconselhamos que se coloque uma lona ou plástico por baixo para não manchar o piso. Pigmentos industriais dão uma coloração mais viva nos tapetes, tem o custo mais alto.
  • Para os desenhos dos artistas melhor utilizar areia branca fina misturada com pó xadrez, a quantidade depende do tom desejado - aconselhamos fazer um Kit dos artistas (bandeja com potinhos de plástico transparentes para aparecerem as cores) para facilitar a obra dos mesmos e a coordenação geral
  • Frascos de shampoo e garrafas de plásticos de amaciantes de roupa sem rótulos para os trabalhos dos artistas e equipe em geral
  • Sempre guardar o material com plástico se o mesmo não tiver em um cômodo com telhado, para que não molhe e se estrague.
  • Uniformes, bonés e filtro solar para a equipe sempre que possível
  • Sombrinhas para os artistas (estas sombrinhas devem ser neutras e sem publicidade para não comprometerem as fotos do evento)
  • Transporte e guarda do material antes, durante e depois do evento. Sugerimos também um carrinho de mão para facilitar o transporte de material no dia D
  • Lixeiras simples e elegantes para o evento, limpeza total em todos os momentos e etapas de realização da obra
  • Kit ferramentas: martelo, pregos grandes, barbante, tessoura, faca, giz e fita crepe etc para auxiliar na confecção dos moldes e confecção dos Tapetes de Rua
  • Kit equipamentos: baldes, bacias, vassouras, rodos e pincéis
  • Prever lanche e WC (papel higiênico, sabonete e toalha) para todos: um Kit de água e lanche em geladeira de isopor (copo e guardanapos), envolver a comunidade para participar de todas as etapas é o principal objetivo sempre.

Realização dos Tapetes de Rua/Largo São Francisco de 2001 a 2005: Nac-Núcleo de Assessoria Cultural
Realização dos Tapetes de Rua/Largo São Francisco de 2006 a 2014: Atitude Cultural 
Em 2015, a Atitude Cultural  realiza o Projeto de Transição dos Tapetes de Rua. 

Equipes que integram o "Projeto de Transição Sustentável dos Tapetes de Rua no Largo São Francisco":


Durante todo o percurso deste projeto, contamos com patrocínios e diversos apoios, todos os créditos e parcerias estão registradas nos respectivos eventos/links acima e no histórico de cada ano respectivamente.


Atualize, compartilhe, inclua ou exclua dados e imagens, cadastros, fotos, ações e projetos sócio-culturais . Todos os créditos e colaborações serão registrados
Dúvidas ou Sugestões? Fale Conosco: alzirah@gmail.com . Utilize o nosso sistema de busca


O conteúdo desse portal pode ser reproduzido, desde que citadas as fontes e os créditos.

www.saojoaodelreitransparente.com.br . Projeto, pesquisa, organização e concepção: Alzira Agostini Haddad . Todos os direitos reservados